Leitura pública do manifesto pela democracia

A Universidade do Estado do Rio de Janeiro, por iniciativa de sua Reitoria, fará a leitura pública da “Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito!”. O documento público é uma resposta aos ataques reiterados ao sistema eleitoral brasileiro.

A nova carta marca os 45 anos da “Carta aos Brasileiros” do professor Goffredo Telles Junior. A carta de 2022 faz referência histórica ao movimento de 1977, organizado pela faculdade de direito da Universidade de São Paulo (USP), que pleiteava a volta do Estado Democrático de Direito, em plena ditadura militar.

A iniciativa une diversos setores da sociedade em um ato de defesa da democracia, da Justiça Eleitoral e das urnas eletrônicas.
.
Até as 14h15 desta terça-feira (09/08/2022), a carta contava com 817.435 assinaturas. A lista de signatários da Carta, divulgada até essa data, conta com personalidades como Chico Buarque, Roberto Setúbal, Ellen Gracie e Luiz Gonzaga Belluzzo, a escritora e presidente interina da ABL Nélida Piñon, a atriz e imortal Fernanda Montenegro, 12 ex-ministros do STF, entre eles: Joaquim Barbosa, Francisco Rezek e Nelson Jobim, os cantores Gal Costa, Zélia Duncan, Maria Bethânia e Frejat, os atores Antonio Calloni e Bruno Gagliasso, o cineasta Fernando Meirelles, os escritores Luís Fernando Veríssimo, Martha Medeiros e Djamila Ribeiro, os historiadores Eduardo Bueno e Lilia Schwarcz, entre outros.

A leitura ocorrerá às 11h, no Plenário dos Conselhos da UERJ, e será transmitida ao vivo pelo canal da TV UERJ.

Link para assinar a carta: https://www.estadodedireitosempre.com/
Link da Faculdade de Direito da

Usp: https://direito.usp.br/noticia/809469c6c4fb-carta-as-brasileiras-e-aos-brasileiros-em-defesa-do-estado-democratico-de-direito

Tá ligado ?

09 agosto